Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 23/08 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 23/08 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 23/08 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 23/08 09h57 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 23/08 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 23/08 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 22/08 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 22/08 15h06 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
África

Estatísticas indicam que pobreza afecta 54, 7% da população moçambicana

media DR

Mais de metade da população moçambicana vive abaixo do limiar da pobreza segundo últimos dados estatísticos de 2008 apresentados hoje durante um encontro envolvendo quadros do Ministério da Economia e Finanças e da Organização das Nações Unidas no âmbito de um seminário de metodologias de avaliação multidimensional de pobreza e bem-estar que decorreu em Maputo cujo intuito era procurar definir novas formas de avaliação de pobreza no país.

Segundo referiu neste encontro o director nacional de censos e inquéritos Arão Balate, os últimos dados estatísticos indicando que 54,7% da população moçambicana é extremamente pobre foram calculados essencialmente com base no critério alusivo ao acesso à alimentação. Para o governo moçambicano, os cálculos deveriam incluir outros critérios suplementares, como o acesso à saúde, educação e bem-estar, de modo a reflectir melhor a realidade do país. Neste sentido, a ONU comprometeu-se a apoiar Moçambique na redefinição dos critérios de calculo da pobreza no seu território.
Mais pormenores com Orfeu Lisboa.

Orfeu Lisboa, correspondente da RFI em Moçambique 18/06/2015 Ouvir

 

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.